A vida não é um mar de rosas, e é por isso que você precisa navegar por todos os mares.

A vida não é um mar de rosas, e é por isso que você precisa navegar por todos os mares.

A vida, sabe, não é um mar de rosas, e é por isso que você precisa navegar por todos os mares. Para provar para as pessoas e para você mesmo o quanto é forte, guerreiro, aventureiro, e que não teme à tempestade.

Você é muito mais do que esperam de ti, é muito mais do que ossos e carnes, é muito mais do que este amontoado de células. E muito mais do que a vida espera.

Sabe, eu sinto te dizer, mas haverá dias em sua vida que nada vai ser legal, nada vai ser bonito, maravilhoso.

Haverá dias que você só vai pensar em sumir, desaparecer da face da terra, esquecer que o mundo existe e querer ficar sozinho.

Haverá dias que nada vai estar bem, nada vai dar certo. Haverá dias que vai sentir raiva de pessoas, você vai magoar e se magoar com elas.

Haverá dias que até aquela pessoa que você mais gosta ou que mais gosta de você, vai te fazer chorar, ficar com vontade de dar um soco na cara dela.

Haverá dias que vai chover, e vai chover muito, e não adianta ficar ai, escondido debaixo da marquise esperando a chuva passar. O mundo não paga tuas contas, é você quem paga o mundo pra poder viver nele.

Haverá dias que vai sentir um cansaço no corpo tão grande, que a única coisa que vai pensar é em ficar quietinho no quarto, dormindo, com vontade de que, quando acordasse, tudo estivesse perfeitamente no lugar. Mas não adianta, é você quem vai ter que se levantar e encarar de frente, construir aquilo do seu jeito, ou que te faça ao menos se sentir melhor.

A vida, sabe, não é um mar de rosas, e é por isso que você precisa navegar por todos os mares. Para provar para as pessoas e para você mesmo o quanto é forte, guerreiro, aventureiro, e que não teme à tempestade.

Você é muito mais do que esperam de ti, é muito mais do que ossos e carnes, é muito mais do que este amontoado de células.

Você é alma, é sentimento, é aquilo que não se dobra, que não se entrega, que não se acovarda em momento algum diante de monstros que lhe tiram a saúde. Você pode vencer todo e qualquer fantasma, eles não existem, sabia?

Pode chorar, todo guerreiro se corta numa batalha, todo guerreiro sangra à seu modo, e porque você seria diferente?

Chorar é pôr pra fora os nossos medos, nossas angústias, nossas fraquezas. Depois enxugamos os olhos, e seguimos em frente, como se nada tivesse acontecido. Como se Deus nos olhasse, tocasse nossos ombros e dissesse: E ai, tá pronto, podemos seguir?

Recomendamos para você . ...................................................................................................................................................................................................................................................
Ricardo Ferraz

Ricardo Ferraz

Casado, pai de dois filhos, observador de pessoas e comportamentos. Apaixonado pela escrita e pela forma como ela nos orienta a pôr pra fora tudo aquilo que incomoda por dentro. Motivos para escrever não me falta, porque amor sempre me sobra.
Ricardo Ferraz